Baixar apostilas concursos professores

Atenção professor: Quer passar em concurso público? Então baixe a
apostilas especial.

Inscrição concursos professores

 Professor: Faça sua inscrição para concursos públicos agora - Municipal, Estadual ou Federal?

Provas anteriores concursos professores

Provas anteriores para concursos de professores: Todas as disciplinas.

O que cai nos Concursos para professores

 Todas as matérias que caem.
Saiba e estude.
 

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Professora Amanda Gurgel.

O relato da professora Amanda Gurgel  mostra bem a situação da Educação pública, não só no Rio Grande do Norte, mas em todo o Brasil.

É realmente impossível que o professor "salve o Brasil" sem colaboração política e da sociedade. Nossas condições de trabalho são absurdas.

Quanto às terorias pedagógicas elaboradas em gabinetes e discursos políticos (que são iguais em todo o país), a fala da professora Amanda foi perfeita. Não há como filosofar,  ter paciência, quando temos de nos desdobrar, correndo de uma escola a outra, se quisermos pagar ao menos as  contas básicas ao final do mês...
Assista a audiência pública onde a Professora Amanda Gurgel faz considerações e reivindicações de uma ação imedita por parte da categoria política.


7 Comentários:

Raqqa disse...

fico emocionada ao ver a colega Amanda neste discurso tão sóbrio e infelizmente tão real. E me uno a esse discurso pedindo que os colegas do Rio acordem, não há momento mais oportuno para nos unirmos que este! Façamos coro com Amanda e lutemos por melhores condições de salário e estrutura em nossas escolas!!!! Não há tempo a perder! Paralisação a partir do dia 07/06!!!!

Elisangela Santos disse...

Indiscutivelmente a mais triste verdade.
O pior é que, com isso, professores, como eu, ainda utilizam seus poucos 700,00 reais para arcar com os custos de acompanhamento psicológico, a fim de diminuir a frustração e a desmotivação, aprender a lidar com a descrença, com a impotência diante das múltiplas realidades que deveríamos mudar.
Estamos falando de qualidade da educação, mas também da saúde desse professor que tem que trabalhar em três escolas até mesmo para pagar um plano de saúde; que fica sem se alimentar adequadamente porque o intervalo entre um colégio e outro não permite parar; que depende do transporte público deficitário e desrespeitoso com a população; que fica nos finais de semana fazendo planejamento, avaliações e correções, porque não tem tempo de fazer isso durante a semana; que, em caso de possuir veículo próprio, tem de arrumar o 4º emprego para bancar a gasolina, atualmente, com valor indecoroso.
Como vive o professor no Brasil dessa maneira?
E depois nossos governantes vêm dizer que as escolas de licenciaturas estão vazias? Não adianta fazer campanha na tevê, abrir mais vagas nas universidades ou até mesmo cotas se o meu aluno do 3º ano do ensino médio me diz, em sala de aula, que "ser professor..., Deus me livre!"
Estive esses dias me perguntando ao assistir a uma série especial sobre educação no Jornal Nacional: por que em muitos casos e nas avaliações nacionais o Sul do país apresenta um índice melhorado de desenvolvimento educacional? Um dos motivos é que o salário lá é bem maior do que nas grandes capitais e metrópoles. Ainda que o cenário não seja muito diferente dos que se percebe em outras escolas, o professor tem condições de se dedicar e estudar, porque consegue manter-se, com menor sacrifício, em uma única escola.
Então, senhores governadores e gestores, não nos venham falar de qualidade na educação sem falar, previamente, de um plano efetivo de ostensiva e constante valorização do ofício docente.

Marta Lima disse...

Os cerca de 40 mil professores do governo do estado que estão lotados nas salas de aula poderão, a partir do dia 22 de junho, retirar o Cartão Auxílio Qualificação, concedido pela Secretaria de Educação. Eles deverão ir à agência do banco Itaú onde têm suas contas-salário e apresentar um documento de identidade original com foto. A carga inicial do cartão será de R$ 500.

O benefício vai funcionar como um cartão de débito e será aceito em estabelecimentos conveniados à bandeira MasterCard. O professor poderá usar a quantia para pagar cursos, comprar livros, CDs e DVDs ou ir a eventos culturais, como teatro e cinema. Com o cartão, a secretaria vai repassar cerca de R$ 25 milhões ao magistério.

Controle de gastos

A rede de caixas eletrônicos do Itaú poderá ser usada pelos professores para consultar o extrato e os gastos. A Secretaria de Educação também vai receber relatórios periódicos sobre o uso do cartão. O objetivo, segundo a pasta, é corrigir eventuais falhas, evitando, por exemplo, que os R$ 500 sejam usados para outras despesas que não sejam relacionadas à qualificação do professor.

— O retorno desse investimento é um professor mais qualificado. Esperamos que ele use o benefício em favor do aprendizado do aluno — afirmou o secretário de Educação, Wilson Risolia.


Deu no Extra de hoje.
Não sei se rio ou se choro.

Kátia Rocha disse...

Fiquei admirada,emocionada e muito feliz com as palavras da colega Amanda, essa sim teve a coragem de falar tudo aquilo que pensa, em relação a situação vergonhosa que se encontra o salário,e outras situações como um todo nas escolas do nosso Brasil. Parabéns e que nós espelhemos na Amanda e façamos algo para já,pois só reclamar e não colocar a "cara" não adianta.

Kátia Rocha disse...

Fiquei admirada,emocionada e muito feliz com as palavras da colega Amanda, essa sim teve a coragem de falar tudo aquilo que pensa, em relação a situação vergonhosa que se encontra o salário,e outras situações como um todo nas escolas do nosso Brasil. Parabéns e que nós espelhemos na Amanda e façamos algo para já,pois só reclamar e não colocar a "cara" não adianta.

Anônimo disse...

Só pro Brasil inteiro saber: o piso do professor do Estado do Rio, exportado para o mundo como a maravilha nacional, é de R$ 765,00.

Não precisamos dizer mais nada, certo!!!

Anônimo disse...

Parabéns professora. Gostei de sua fala, em momento algum falou fora da verdade e nada mais que a verdade. Precisamos de pessoas como você nos chamados "sindicatos". Você é determinada, objetiva, destemida, e falou por todos os profissionais da educação que pensam da mesma forma, mas que a maioria não tem oportunidade, às vezes nem a coragem de se expor numa tribuna. PARABÉNS MESMO, VOCÊ É UMA GUERREIRA!. Me rendo à sua coragem.
Sebastião Amaral do Nascimento/ professor e sociólogo.

Postar um comentário

- Não temos qualquer vínculo com nenhuma instituição pública ou privada. Este é um espaço pessoal e informal para troca de informações entre pessoas interessadas no setor de Educação.

- Os comentários são liberados aos leitores que por aqui passam, não refletindo, necessariamente, a opinião do responsável pela manutenção do Blog.

- Lembrem-se também que o Blog é aberto ao público. Ao deixar endereço de e-mail, telefone ou qualquer dado pessoal aqui, esses dados poderão ser vistos por qualquer pessoa.Portanto, tenha cuidado com as informações pessoais que deixa em seu comentário.

Blog Widget by LinkWithin

Programas úteis, baixe aqui!

Para ler a maioria dos editais e o Diário Oficial, é necessário ter o programa Adobe Reader instalado (programa leitor dearquivos em PDF), que é o formato em que estão vários documentos. Caso queira baixar o Adobe, que é um programa gratuito, pegue AQUI.

Foram eles que disseram...

O segredo da criatividade é saber como esconder as fontes. Albert Einstein
Não quero que as pessoas sejam muito gentis; pois tal poupa-me o trabalho de gostar muito delas. Jane Austen
"A cada bela impressão que causamos, conquistamos um inimigo. Para ser popular é indispensável ser medíocre" Oscar Wilde

Se sua dúvida não for esclarecida aqui não deixe de enviar a sua própria pergunta, ou mesmo tentar responder a pergunta de algum colega.

Enviar pergunta

Blogosfera


TopOfBlogs

  ©Atualize-se sempre em Raquelrfc.com.

TOPO