15/11/2010

RJ Estado implantará sistema de aulas a distância.

Já em fevereiro será usado o sitema de  teleconferência nas aulas dos Centros de Vocação Tecnológica (CVTs) , escolas técnicas da FAETEC.

Segundo informações publicadas no jornal O DIA, a medida do estado visa suprir a falta de  professores em determinadas áreas. Será UM ÚNICO professor ministrando aulas em quatro turmas com cerca de 40 alunos cada, através de uma webcam com sinal transmitido pela internet. A medida pode ser estendida para  toda a Rede Estadual de Ensino.

Resumo:
- UM professor ficará em uma sala (longe fisicamente dos alunos).
- a aula será transmitida por uma tela, para 4 salas com 40 alunos cada,  em qualquer escola.
- UM professor terá de ficar monitorando (olhando, pela webcam instalada nas salas) o que os 160 alunos nessas 4 salas estão fazendo (dormindo, conversando, passando cola, etc)
- O aluno não terá obrigatoriamente de prestar atenção ao que o professor está explicando, pois receberá um pen-drive no qual poderá gravar as aulas e assistí-las quando desejar.
- Os alunos poderão fazer perguntas ao professor, pelo sistema da webcam - a imagem dará um zoom no aluno que estiver fazendo a pergunta - só me pergunto como o sistema identificará a diferença entre as conversas paralelas dos alunos durante as aulas, de  quando ele estiver falando para  fazer uma pergunta ao professor...

O custo do equipamento que será instalado na sala de aula,  será  de  R$ 250 mil. Isto é, 4 salas, um milhão de reais.
Há possiblidade de um diferncial salarial pelo volume maior de provas que o professor terá de corrigir.

O governo do estado do RJ fará, portanto, um grande investimento financeiro em  mais tecnologia direcionada à área educacional. Só resta saber se essa vai funcionar...

Na reportagem vários profissionais falam de como seria importante investimentos no fator humano da  educação, como por exemplo, aumento de  salário para os professores estaduais,  que recebem salário bem menor do que os que são pagos pelas  prefeituras do RJ

Para ler a notícia na íntegra vá ao site do Jornal O DIA.

6 comentários:

  1. nada mais neste governo me assusta!!!

    ResponderExcluir
  2. Aumentar o salário e melhorar as condições de ensino do professor PRESENCIAL que é o bom ninguém quer. PCS e web cams serão bons motivos para desvio de verbas. Viva ao estado mais rico e mais "mal educado" do Brasil

    ResponderExcluir
  3. Como podemos admitir que um "professor concursado" chamado Cristiano , escreva "a dois meses" ao invés de "HÁ dois meses"?

    ResponderExcluir
  4. Só quem ganha de verdade são os fornecedores, ou seja, as empresas que financiaram a campanha do governador e de seu séquito.

    ResponderExcluir
  5. completamente absurdo e arbitrário!

    e o pior é só terem 5 comentários...

    ResponderExcluir

- Não temos qualquer vínculo com nenhuma instituição pública ou privada. Este é um espaço pessoal e informal para troca de informações entre pessoas interessadas no setor de Educação.

Os comentários são moderados e serão publicados em pouco tempo.

- Os comentários são liberados aos leitores que por aqui passam, não refletindo, necessariamente, a opinião do responsável pela manutenção do Blog.

Hora extra para professores

Professores que querem fazer hora extra podem se informar aqui. Na rede pública de ensino, para cada estado e cada município há uma nomenc...