01/08/2011

Aumento proposto por Risolia aos professores do RJ.

O Secretário de Educação de Sérgio Cabral , Wilson Risolia, propõe 3,5% de aumento aos professores em greve Rede Estadual de Educação do RJ - A reivindicação do sindicato é de 26%.

O Secretario também insiste em chamar de aumento , o adiantamento do Nova Escola, que muitos professores até já recebem. Incorporação do Nova Escola NÃO é aumento.

No momento, a situação é que O SEPE e os professores não aceitam só 3,5% de aumento, e A GREVE CONTINUA.


Comunicados no site oficial do SEPE
Governo do estado apresentou uma proposta para rede estadual em coletiva para a imprensa hoje (dia 1/8)

O secretário de Educação Wilson Risolia anunciou nesta segunda-feira (dia 1/8) uma proposta de reajuste de 3,5% para os profissionais de educação das escolas estaduais e confirmou a proposta feita anteriormente de antecipação da parcela da gratificação do nova Escola referente a 2012. O secretário também anunciou o descongelamento do plano de carreira dos funcionários administrativos, com piso de um salário mínimo e um percentual de 8% entre os níveis. Segundo Risolia, estas propostas serão enviadas ainda hoje para a Alerj em forma de Projeto de Lei. Para o Sepe, o reajuste anunciado é tímido, já que ele fica bem abaixo da inflação em 2011 e da reivindicação emergencial de 26% de reajuste da categoria. A direção do sindicato vai se encaminhar para a Alerj para acompanhar o processo de votação do Projeto de Lei e pressionar os deputados a incluírem emendas no projeto aumentando o índice de reajuste anunciado.

Na próxima quarta-feira (dia 3 de agosto), a partir das 9h, a categoria fará uma assembléia geral na Fundição Progresso (Rua dos Arcos 34 - Lapa) para avaliar esta proposta e discutir os rumos da greve nas escolas, iniciada no dia 7 de junho.
____________________________________________________________
Profissional em greve: não aceite ameaça! Denuncie!

O Sepe vem recebendo denúncias de que algumas direções de escolas continuam ameaçando os profissionais que realizam greve. Orientamos a categoria a denunciar à direção do Sepe qualquer ameaça deste tipo. O fone do sindicato é o 21950450.

Veja os que os professores estão comentando sobre a GREVE:

De: Amanda em 01/08/2011 13:45
Para: Todos
Gente, não vamos desistir. A hora é agora... Mais alguns dias em greve e vai valer a pena. A luta continua...Pensem nisso. Quem ficou até agora... fica mais uns dias...
----------------------------------------------------------
De: lclaudio em 01/08/2011 12:30
Para: todos
ESSE "NOSSO" SECRETÁRIO SÓ DÁ MANCADA. ELE AGORA ESTÁ DIZENDO QUE OS GREVISTAS SÃO MENOS DE 1%. NO ENTANTO, ELE ACENA COM UM REAJUSTE MERRECA DE 3,5% E PEDE PARA QUE OS GREVISTAS RETORNEM. ORA, SE SOMOS APENAS MEIA-DÚZIA DE GREVISTAS, POR QUE É QUE ELE ESTÁ PREOCUPADO COM NOSSA AUSÊNCIA E QUER NOS EMPURRAR ESSA MISÉRIA DE AUMENTO? A GREVE CONTINUA, SIM,[...] VAMOS À DILMA. É A NOSSA SAÍDA.
----------------------------------------------------------
De: Margarteth em 01/08/2011 11:19
Para: todos
Pessoal não desistam da Greve agora, até onde sei, não há nenhuma contrapoposta concreta do governo. Apesar da mídia divulgar o retorno das aulas. Há manipulação de informações para enfraquecer o movimento.
---------------------------------------------------------
De: Doc II em 01/08/2011 20:47
Para: Todos
Eu acho que não podemos voltar atrás e acabar com a nossa greve. Estamos quase conseguindo um reajuste maior. Vamos continuar a luta.

4 comentários:

  1. FUNCIONÁRIO ADMINISTRATIVO DE ESCOLA COM 18 ANOS DE TRABALHO NA SEEDUCsábado, 06 agosto, 2011

    É GENTE , MAS VAMOS PENSAR Q O GOVERNO NUNCA ENXERGOU OS FUNCIONARIOS ADMINISTRATIVOS E EM 18 ANOS NUNCA PAGOU UM CENTAVO PELA DIFERENÇA DE NIVEL. OS PROFESSORES AINDA RECEBEM O NOVA ESCOLA, MAS VCS SABIAM Q OS FUNCIONARIOS NEM ISSO? TUDO BEM Q É CERTO VCS CORREM ATRAS DE 26%, MAS DEPOIS Q VCS CONSEGUIREM SERÁ Q VÃO PENSAR SE ELE NAO CONSIDERAR AS PROPOSTAS FEITAS AOS FUNCIONARIOS? OU VÃO FAZER COMO EM 97 Q NÓS FICAMOS 28 DIAS EM GREVE E O GOVERNO DEU AUMENTO PARA OS PROFESSORES, OS FUNCIONARIOS NADA, E TODOS VCS, PROFESSORES, VOLTARAM AO TRABALHO, E NÓS FUNCIONARIOS FICAMOS A VER NAVIOS,E NÃO TIVEMOS OPÇÃO SENÃO VOLTAR! O SEPE CORRE ATRAS PRA REAJUSTE DE PROFESSOR E DE FUNCIONARIO ENQUANTO ESTA EM GREVE, DEPOIS SÓ O PROFESSOR É Q CONTA.O SEPE ESTA CANSADO DE SABER Q NOS NÃO RECEBEMOS DIFERENÇA DE NIVEL E MUITO MENOS NOVA ESCOLA, MAS SO TOCA NESSE ASSUNTO AGORA E JUNTO COM REAJUSTE PARA PROFESSOR. SE FOR PRA FUNCIONARI SÓ, ELE SE OMITE. FORA COM O SEPE!!!! ELE NÃO REPRESENTA A MAIORIA DOS FUNCIONÁRIOS COMO ELE DIZ. VENHAM FAZER UMA PESQUISA NAS ESCOLA DO INTERIOR DO ESTADO Q VCS VÃO COMPROVAR ISSO. POR AQUI AS PESSOAS LIGADAS AO SINDICATO SO SE BENEFICIAM DE PASSEIOS AO RIO DE JANEIRO E ATE PRA FORA DO ESTADO AS CUSTAS DAS MENSALIDADES DOS FILIADOS!!!! É O SEPE PASSANDO A PERNA NO PRÓPRIO SEPE! AGORA PENSA: ELE TE REPRESENTA? A MIM E A MAIORIA DE NOS POR AKI NÃO!!!! FORA SEPE!!!!

    ResponderExcluir
  2. VOCE PROFESSOR QUE ASSINA O PONTO E NÃO TRABALHA,SAIBA QUE ALEM DE SER MAU CARATER ESTA COMETENDO UMA FALTA GRAVE COM A CONIVENCIA DA SUA DIREÇÃO.NÓS PROFESSORES QUE MANTEMOS A GREVE VAMOS COBRAR DA DIREÇAO SINDICAL UMA FISCALIZAÇÃO PARA QUE VOCES VENHAM A REPOR AS AULAS QUE ESTÃO FINGINDO MINISTRAR.VOCES SÃO PIORES DO QUE O GOVERNO ESTADUAL POIS SÃO PELEGOS E COVARDES.A VITÓRIA VIRÁ E VOCES NÃO VÃO COMEMORAR CONOSCO SEUS CARAS DE PAU.

    ResponderExcluir
  3. É, a SEPE concordou com o "aumento" de 5 %. Os professores do estado tem 2 inimigos: a corja do governador e o próprio sindicato. ACORDEM, PROFESSORES!!!!

    ResponderExcluir
  4. Em relação ao que o anônimo de 16/08/2011 afirmou, não foi o SEPE "direção" que concordou com o reajuste abaixo da inflação dos últimos meses. Quem concordou foi a categoria.
    Participei da greve e estive presente na última Assembleia. Neste dia houve votação. estimo que na ocasião de cada 21 professores presentes: 13 votaram a favor de suspender a greve e 8 a favor de mantê-la. os fatos foram esses.
    Mudando de assunto, apesar de deixar claro que sempre respeitarei a decisão da Assembleia. Inclusive fazendo,se necessário for, como fiz, greve.
    Entretanto, posso até estar errado, acredito que o mecanismo de luta deva mudar. Haja vista que tanto o professor, como o aluno acabam sendo os maiores prejudicados.
    De que forma devemos então reivindicar?
    Minha propostas é a seguinte:
    1º Nos professores devemos dar aulas e assinar o ponto normalmente
    2º Devemos ter um diário paralelo e lançar as notas, presenças e o conteúdo. Todavia, não devemos preencher o diário e nem fornecer informações à Direção.
    3º Se o governo atender ao que pedimos, prontamente preencheremos o diário com todos os dados que já estão em nosso diário paralelo, tais como: presença, notas, conteúdo dado. Porém Se não atender, nada lançaremos.
    4º Com isso creio que nem o professor, nem o aluno sairão prejudicados.
    5º Nesta linha de ação, somente ao governador caberá normalizar os dados contidos no diário

    ResponderExcluir

- Não temos qualquer vínculo com nenhuma instituição pública ou privada. Este é um espaço pessoal e informal para troca de informações entre pessoas interessadas no setor de Educação.

Os comentários são moderados e serão publicados em pouco tempo.

- Os comentários são liberados aos leitores que por aqui passam, não refletindo, necessariamente, a opinião do responsável pela manutenção do Blog.

Hora extra para professores

Professores que querem fazer hora extra podem se informar aqui. Na rede pública de ensino, para cada estado e cada município há uma nomenc...