05/09/2010

Não espere pelo telegrama de convocação, pois pode perder sua posse.

Candidatos aprovados em concursos podem perder a vaga conquistada, caso não acompanhe o Diário Oficial onde sair sua convocação.

Segundo reportagem do G1, não há na lei a obrigatoriedade do envio de telegrama, de divulgação em jornais de grande circulação, e-mail ou qualquer outra forma de comunicado de convocação.

O orgão que realiza o concurso  só é obrigado a divulgar a convocação em Diário Oficial. Por isso o candidato aprovado precisa consultar o D.O todos os dias, as vezes durante quatro anos seguidos, que é o tempo de validade de  alguns concursos (contando com o tempo de  prorogação).

Daí a importância de compartilharmos as informações relativas às convocações,  que estão publicadas nos 'Diários Oficiais'.

É importante também saber que os juizes costumam dar ganho de causa a candidatos que perdem a posse por não terem sido comunicados por telegrama de sua convocação.

Leia a reportagem completa no G1: Aprovado em concurso pode perder posse se não acompanhar ‘Diário Oficial’

6 comentários:

  1. É verdade!! Isso aconteceu comigo. Fui aprovado para o concurso do Estado, em 2008, para Niterói (Língua Portuguesa). No início do ano, fui convocado pela listagem única, em que me ofereciam lugares como Iguaba Grande e Cardoso Moreira (tão pertinho!!!). Recebi dois telegramas. Pensava que a intenção era pra garantir a chegada do documento em minhas mãos. Não aceitei, é claro! Entretanto, 4 meses depois, vi no diário oficial que eu tinna sido chamado para trabalhar pela região em que fiz o concurso. Agora era oficial. O telegrama? Até hoje estou esperando... Estranho, não é? É preciso mesmo abrir o olho porque a política interna dos GlP`s favorece a muitos professores que já estão trabalhando nos colégios, com um aumento significativo dos salários, e há todo um esquema para que continue assim. Fique ligado mesmo! Você provavelmente não vai receber o seu telegrama quando passar. Há um motivo deliberadamente claro por trás disso!
    Abs
    Felipe

    ResponderExcluir
  2. como faço para acessar o diário oficial? Desde já agradeço a atenção.

    ResponderExcluir
  3. O link é esse:
    http://www.imprensaoficial.rj.gov.br/asps/default.asp
    Na página, vá em poder executivo, clique no dia que vc quer pesquisar e veja no índice onde está o item "avisos, editais e termos de contrato". Na página indicada, vá até "Secretaria de Estado de Educação" e procure por convocações do seu referido concurso.
    É bem chato ter q ficar fazendo isso, mas se vc já estiver pra ser chamado, vale a pena a chateação. Por causa disso, eu, pelo menos, assumi minha vaga.
    Abs
    Felipe

    ResponderExcluir
  4. Obrigada Felipe pela indicação. Boa sorte para você.Vou tentar acessar este site.
    Rita

    ResponderExcluir
  5. Não, não. A organizadora é obrigada a enviar correspondência para o endereço do candidato se estiver assim estipulado em edital de concurso. Eu acabei de ser vítima do que os colegas estão relatando. Fiz o concurso de 2007 e somente hoje vi que fui convocada para Disciplinas Pedagógicas na penúltima convocação. Meu nome aparece lá como FALTOSA. Eu vou entrar na justiça sim! No edital de 2007, consta no item 12.6 que o candidato será comunicado via correspondência pessoal!. É isso.

    ResponderExcluir
  6. Pois é...
    A pessoa não verifica no diário da união e depois vem cheio de "mas, mas..." , " não , não..." e etc...
    Enfim, depois das dicas dos colegas aqui postadas, SÓ DÁ MOLE QUEM QUER PESSOAL !!!

    ResponderExcluir

- Não temos qualquer vínculo com nenhuma instituição pública ou privada. Este é um espaço pessoal e informal para troca de informações entre pessoas interessadas no setor de Educação.

Os comentários são moderados e serão publicados em pouco tempo.

- Os comentários são liberados aos leitores que por aqui passam, não refletindo, necessariamente, a opinião do responsável pela manutenção do Blog.

Hora extra para professores

Professores que querem fazer hora extra podem se informar aqui. Na rede pública de ensino, para cada estado e cada município há uma nomenc...